O impacto do Reels na indústria do entretenimento

Lia Xan
Lia Xan 6 Min Read
6 Min Read

É fato que cada vez mais indústrias, marcas e o entretenimento de forma geral se apropriam do poder dos vídeos nas plataformas digitais para se comunicarem com seu público na internet – sobretudo, via Instagram com a ferramenta Reels.

Um levantamento realizado pela Buzzmonitor entre 2020 e 2022, já apontava essa ascensão do formato nas principais plataformas utilizadas no Brasil.

Pela ótica das novas gerações, o Reels se transformou não apenas numa febre em compartilhamento de vídeos, mas, em uma das maiores plataformas de engajamento em marketing para as empresas.

De olho nessa cultura digital, a indústria da música, por exemplo, tem utilizado essa ferramenta para gerar maior engajamento e impacto entre artistas e sua comunidade.

É caso do WME Awards by Music2!, prêmio totalmente dedicado às mulheres do universo musical, que acaba de anunciar uma categoria inédita para sua sexta edição em 2022.

Em parceria com o Instagram, “Manas For Reels” a premiação terá este ano inscrições exclusivamente via Reels (a partir do dia 27 de outubro até o dia 16 de novembro).

De acordo com a organização do prêmio, poderão participar cantoras, instrumentistas e bandas formadas por mulheres, que já tenham pelo menos um lançamento musical publicado em uma plataforma de streaming.

Para se inscrever, basta o artista publicar um Reels autoral de forma pública no Instagram, preencher o formulário que está disponível no site e no Instagram do WME, e engajar a comunidade.

Os vídeos deverão ter de 15 a 90 segundos e na legenda a hashtag #ManasForReels. Os vinte Reels com o maior número de curtidas e comentários serão selecionados. A partir desta seleção, a diretoria do WME informa que irá escolher as cinco artistas finalistas da categoria, que estarão presentes no palco no dia do evento, quando a vencedora será anunciada.

Ainda sobre a premiação, o júri técnico do prêmio terá como critérios principais a criatividade usada nos Reels e, claro, a qualidade musical. Vale tudo: lipsync, dança, batuque da música preferida, entre outros. O importante é produzir um conteúdo com qualidade, personalidade, aproveitando as diversas possibilidades de criação dos Reels.

Vale ressaltar que o Women’s Music Event (WME) é uma plataforma de música, negócios e tecnologia, criada para aumentar o protagonismo da mulher na indústria da música. Idealizada por Claudia Assef e Monique Dardenne em 2016, estreou em março de 2017 com a WME Conference, em São Paulo, atraindo mais de mil pessoas em painéis de debate, workshops, shows e festas.

Desde então, já realizou seis edições, com mais de 80 horas de conteúdos digitais e dezenas de shows, painéis e workshops ao vivo, impactando um público de cerca de 10 milhões de pessoas em sua história e gerando, a cada ano, cerca de 300 empregos diretos e indiretos. Além da conferência, acontece anualmente a WME Awards by Music2!, premiação desmembrada em três frentes: categoria voto popular, categoria voto técnico e homenageadas pelo conjunto de sua obra.

Por que o Reels tem chamado a atenção das indústrias?

Voltando ao tema de vídeos em plataformas digitais, estudos apontam que a proporção de vídeos no Instagram aumentou 375% em julho deste ano, em comparação com o mesmo mês do ano passado. Um dos motivos desse aumento se deve ao lançamento do Reels como função corporativa em setembro de 2021.

Não só a indústria da música, mas, em todos os segmentos, essa ferramenta para criação de vídeos tem auxiliado empresas e marcas e criarem uma identificação maior com seu público e proporcionar um caminho mais ágil para novas oportunidades de negócio. No caso da música, unir entretenimento e artistas nessa plataforma tem ampliado estratégias e novos modelos de receita.

Para as gerações acostumadas ao poder dos vídeos em plataformas como Youtube, o Reels vem tentando prolongar ainda mais essa experiência com esse público, porém, o crescimento de novas plataformas como TikTok (com destaque para sua facilidade de uso e interação) tem dificultado o caminho do Reels no engajamento com um público bem mais jovem.

Muito além de toda complexidade sobre cada uma dessas plataformas, o fato é que os vídeos nunca foram tão consumidos na internet como vem sendo nos últimos tempos. Paras as marcas, existe grandes oportunidades nesse cenário – sem dúvida-, o mais importante nisso tudo é a criação para essas plataformas estar alinhada com o conceito da marca e o seu público.

Pesquisas já apontam que as marcas ganham quase 40% mais em engajamento com a utilização do Reels, por exemplo. O interessante é ver como novos players, como o caso do prêmio Women’s Music Event (WME), se apropriarem dessa ferramenta e diversificarem suas estratégias na busca por novos modelos de divulgação e engajamento para atrair um público ainda maior.

Share This Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

fapjunk
Reading: O impacto do Reels na indústria do entretenimento

© 2024 Globo Brasil- [email protected]